sexta-feira, 8 de maio de 2009

Los Jaivas – Alturas De Machu Picchu


Los Jaivas – Alturas De Macchu Picchu (1981)

Não sei onde você mora, mas em toda cidade grande não é difícil topar com aquelas figuras latinas, vestidas com seus ponchos e tocando zampoña, charango, tarka, flautas, tambores, bombos legüeros, violão e geralmente ‘El Condor Pasa’ é o hit. Com a onda hippie e tudo o mais essa ‘praga’ começou a se alastrar pelo mundo e a música andina aos poucos foi se tornando mais uma caricatura do que cultura em si.

No início da década de 60 foi formado no Chile o grupo Los Jaivas, que começou de forma igual a muitos outros grupos do gênero, tocando basicamente a música folclórica chilena e música andina em geral. Aos poucos foram adaptando novas influências, de tudo quanto é tipo de música que tocava no mundo, e foi aí que se distanciaram de todos esses tipos de grupo que tocam em praças, largos ou estações de metrô; se tornaram um grupo único, raiz para vários outros que surgiram depois, nenhum com tanto êxito quanto Los Jaivas, que está na ativa até hoje, quase 50 anos após sua fundação.
Alturas de Macchu Picchu’ é uma verdadeira obra-prima; é onde Los Jaivas, com a ajuda da poesia de Pablo Neruda, conseguiram aprimorar sua mistura de música folclórica, folk, rock progressivo, rock psicodélico e até alguns elementos jazzísticos, entregando-nos algo totalmente novo (na época, é claro...) e surpreendente.

Peguei este link no blog JS Free, o qual eu recomendo para todos aqueles que curtem todos os tipos de música, porque é tanto ou até mais eclético do que O Pântano Elétrico.

Link (34mb) – Badongo

Site Oficial
ProgArchives

6 comentários:

Edson d'Aquino disse...

Maddy, curto às pampas música andina -acho q é meu lado hippie ainda se manifestando, hehehe- e Los Jaivas é muito bom. Tive 3 LPs deles e entre eles este 'Alturas...'. Qto a esses grupos q impregnam as praças, ali em meados dos 80 tinha um q era super organizado e tocava somente os clássicos andinos (é lógico q El Condor Pasa estava incluido pois não foi Paul Simon q a escreveu, apenas acrescentou letra em inglês) na altura do Lgo. da Carioca e era bem bacana, sempre dava uma parada na hora do rango pra ouvi-los.
Baixando esse clássico aí!
[]ões

Edson d'Aquino disse...

Caraca! Há qto tempo não me deliciava com isso aí. Muuuuiiiiito bão demais da conta!
Zaqueu, acho q vou começar mais cedo do que pensava, mas vamos devagar. Traz um 'garoto'* aê!
[]ões

*antes q pensem o pior, 'Garoto' é com chamamos o chopp em copo ou tulipa de 200ml aqui no Rio.

DAGON disse...

Música andina? nunca ouvi, mas fiquei curioso.

Po Edson ainda bem que vc explicou, acho que só a gente daki do Hell de Janeiro conhece essa expressão pro chopp pequeno, hehe.

Abrações.

Edson d'Aquino disse...

E vc acha q eu ia dar esse mole, mermão? hehehe
Por falar nisso...Zaqueu manda outro 'garoto' aê!
E pode cair dentro desse Los Jaivas pois vc vai se surpreender, Dagon. Tem umas guitarras bem crunch.
[]ões

Cordas Bandas e Metais disse...

E aí Marcellão...

Nunca ouvi falar dessa galera e como no próximo dia 03 vou conhecer a famosa Macchu Picchu e pelos comentários do Guru, vou baixar agora mesmo.

Valeu.

Lu Gasp disse...

Oi Marcello, eu gosto de música andina também!!! Hehe...
Em meados dos 80, tinha um grupo desses que tocava sempre em frente aos restaurantes da Av. Atlântica à noite e eu comprei uma fitinha deles e ouvia sem parar, sabia até cantar as canções, que sempre traziam aquela flautinha andina típica.
Vou conhecer o Los Jaivas!
Legal o post!

Abraços, da
Lu